Você já parou para pensar sobre a importância do bom relacionamento com o cliente da sua pet shop?

Hoje em dia, os pet shops fazem parte da família, sendo um lugar que costuma reunir tudo o que os animaizinhos de estimação precisam: alimento, saúde, objetos funcionais, proteção e higiene.

Como empresa, o bom atendimento e a construção de uma relação de proximidade com seus clientes – os tutores e os próprios animais – se refletem diretamente nas vendas e no fortalecimento da sua marca.

Por isso, daremos algumas dicas para você construir ou aperfeiçoar o bom relacionamento com o cliente ainda hoje!

O que significa ter um bom relacionamento com o cliente da pet shop?

Ter um bom relacionamento com o cliente da sua pet shop significa colocar algumas ações em prática para melhorar a conexão entre o seu negócio e o seu cliente. 

Nesse caso, a sua pet shop cria diferentes estratégias em todo o ciclo de vendas para oferecer uma boa experiência ao consumidor – e ter uma boa experiência significa encantá-lo e fidelizá-lo.

Então, todo o seu processo de vendas, desde a fase de prospecção de clientes até o pós vendas, precisa ser desenvolvido para oferecer o melhor atendimento, produtos de qualidade, preços atrativos, promoções, personalização e real preocupação com o bem-estar dos pets.

O resultado são clientes felizes, satisfeitos e que se tornam promotores da sua marca, atraindo novos clientes para sua pet shop crescer.

Vamos conferir algumas dicas para esse desafio ser posto em prática?

Saiba mais: Confira as datas do varejo para criar campanhas sazonais em sua pet shop!

Dicas para fortalecer o relacionamento com o cliente na pet shop

Confira algumas dicas práticas para organizar a sua pet shop e fortalecer o relacionamento com seus clientes:

1. Trace o perfil dos seus clientes e segmente-os

É preciso fazer esse trabalho de separar os perfis dos seus clientes, pois isso será o divisor de águas na construção das demais estratégias.

Você conhece bem todos eles? Caso contrário, será necessário fazer uma pesquisa para coletar informações, como:

  • Faixa etária;
  • Região em que moram;
  • Moram em casa ou apartamento?
  • Renda;
  • Quantos pets têm?
  • Quais as características / necessidades de cada pet?
  • Qual a frequência de compras? O que costumam comprar?
  • Melhores canais para se comunicar com eles;
  • Redes sociais que possuem perfis ativos.

Depois de coletar esses dados (e outros que você precisar), separe os clientes em listas de perfis. Isso será importante para a próxima dica.

2. Monte ofertas especiais para cada perfil de cliente da sua pet shop

Construir um bom relacionamento com o cliente também significa que ele precisa se sentir especial em sua loja.

Por isso, pegue a lista de cada perfil e passe a oferecer ofertas personalizadas. Exemplos de segmentação que você pode construir:

  • Clientes com cachorros de pequeno porte;
  • Clientes com cachorros de grande porte;
  • Clientes com gatos;
  • Clientes com gatos e cachorros;
  • Animais com necessidades específicas.

Quando você oferece produtos e serviços que realmente vão de encontro às necessidades e desejos dos clientes, eles têm a sensação de que a sua pet shop realmente os conhece e se preocupa em oferecer os melhores produtos. 

3. Invista em treinamentos da sua equipe de atendimento

Treinamentos e capacitações são sempre importantes para o crescimento do seu negócio. E no sentido de fortalecer o relacionamento com o cliente da pet shop, isso é fundamental.

Uma boa equipe de atendimento é capaz de:

  • conhecer as características técnicas dos produtos da pet shop;
  • conhecer os pontos importantes das características dos animais que atendem;
  • realizar um atendimento de qualidade e empatia;
  • saber manter contato com os clientes para verificar como estão seus pets e se precisam de alguma ajuda.

4. Mantenha o contato com os clientes depois das vendas

Esse contato não deve ser feito apenas para vender mais produtos e serviços da pet shop, mas também para acompanhar a saúde dos pets dos clientes.

Com o CRM atualizado, agende as conversas de tempos em tempos. Exemplos: 

  • O cliente comprou uma medicação para o pet? Envie dicas de cuidados e coloque-se à disposição para tirar dúvidas.
  • O tutor comprou um pacote de ração há 1 mês? Entre em contato para oferecer a entrega de um novo pacote e fale sobre as novidades que chegaram de acordo com as características do animal.
  • O cliente fez aniversário? Envie parabéns e um cupom de desconto para a próxima compra. 
  • O pet fez aniversário? Envie um brinde especial a ele (um brinquedo, amostras de petiscos, um vale-banho e tosa etc.).

É esse cuidado que será o divisor de águas no bom relacionamento com o cliente da pet shop.

5. Tenha um perfil ativo nas redes sociais 

A frase “quem não é visto, não é lembrado” faz todo o sentido no mundo dos negócios. Portanto, esteja presente e ativo nas redes sociais que os seus clientes estão.

Poste conteúdos informativos, divertidos, interaja com os clientes, publique fotos dos pets (com a devida autorização), responda a dúvidas, mostre os bastidores da pet shop…Isso certamente gera uma aproximação maior que reflete no aumento das vendas e na fidelização. 

E então? O que você achou dessas dicas? No próximo post, confira 5 erros comuns que impedem o crescimento da sua pet shop